Como Viver uma Vida Cristã Autêntica

Compartilhe:
  • v4-900px-Live-a-Good-Christian-Life-Step-2Aja como um cristão em qualquer circunstância. Siga o maior mandamento de Jesus Cristo, o Filho de Deus: amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a si mesmo, mesmo se a pessoa o trata mal ou se você não conhecê-la. Jesus disse: “Amai os vossos inimigos e orai pelos que vos perseguem”. Ele também diz em João 13:15: “Eu vos dei o meu exemplo, que, assim como eu fiz, você deve fazer o mesmo.” Em I Coríntios 11:1, Paulo diz: “Sejam meus imitadores assim como eu sou de Cristo.” Efésios 5:1 diz: “Sede imitadores de Deus como filhos amados.” Deste modo, muitos crentes estão “desocupados, varridos e adornados” (Mateus 12:44) por doutrinas cristãs mornas. Se você apenas frequentar a igreja, você vai ser um cristão fraco e as tentações vão conseguir dominá-lo. Mas se você, além de ir à igreja, ler a Palavra todo dia, se tornará um cristão forte. A maioria dos cristãos não lê a Bíblia todos os dias e a mera frequência à igreja não é garantia de que você será forte na fé. Algumas das melhores passagens para a construção do caráter cristão estão em Provérbios 8:17-21. Salmos 1:1-3. João 14:21-27. Tiago 1:2-8. I Tessalonicenses 5:16-18. II Timóteo 1:6-7, Hebreus 8:6,10. Efésios 6:10-18. Provérbios 4:20-
  • Reconheça que você tem falhas (pecados) e, em seguida, se arrependa – mude suas atitudes e ore. Perceba que a conversão não é simplesmente um ato momentâneo, mas o início de um compromisso de longo prazo. Perseverança e persistência são atitudes contínuas. Não seja duro consigo mesmo, se e quando você errar, mas admita, se levante, confie em Deus e siga em frente.

Leia a Bíblia. Você realmente pode aprender muito com isso. ‘”Toda a Escritura é divinamente inspirada e útil para o ensino, a repreensão, a correção e para a educação na justiça”‘ (2 Timóteo 3:16). Se você abrir numa parte que não seja significativa para aquele momento que você está passando, considere mudar para outra passagem ou parte da Bíblia.

Separe um tempo para uma oração eficaz e significativa. Interceda por pessoas como seus filhos, primos, amigos, inimigos e familiares, etc. Em Efésios 1:16 Paulo ora para o “Espírito de Sabedoria e Revelação”. Eu recomendo que você repita a oração em Efésios 1:16-23 para si mesmo todos os dias durante um ano e Deus vai abrir o seu espírito e aprimorar a sua compreensão. Você vai aprender a ter muito discernimento espiritual e causará um grande impacto na vida de outros.

Tente entender as perspectivas (pontos de vista) de outras pessoas, mesmo que você, pessoalmente, discorde delas. Claro, uma oração respondida de paz para os seus inimigos ajuda tanto a você quanto a eles.

Seja paciente com as pessoas que causem raiva e aprenda a perdoar. Você deve aprender a amar seus inimigos. Deus ama a todos e nós precisamos amar também. Diga adeus ao amor seletivo. Se você não consegue amar seu inimigos, peça a Deus por ajuda.

Ore pelos outros e ajude na melhor das suas habilidades e de todas as maneiras. Cuide dos pobres e necessitados. Esta é uma das coisas das quais Jesus mais falou nos Seus ensinamentos.

Trate os outros com gentileza que você gostaria de receber. Mesmo atos simples de bondade, como abrir a porta para outros, são ações que podem criar um ambiente menos paranoico ao seu redor.

Permaneça conservador em sua ética, moderado e modesto, sabendo que o orgulho pode ser perigoso. O orgulho pode causar um julgamento errado de outrem e é dito como o maior de todos os pecados, porque o orgulho reside em cada um de nós. A fonte de todo o pecado é considerar demais a si mesmo sem se importar com os outros, como no caso da ganância, luxúria, ódio, assassinato, roubo, etc.

Compartilhe suas crenças de modo a espalhar as boas novas. Lembre-se, viver a vida cristã e dar testemunho com as suas ações vai fazer com que outros queiram seguir a Deus. Seja conservador em suas crenças e liberal em distribuir os seus próprios bens. Não use a caridade como forma de barganhar a fé e “comprar” conversões. Converta outros para Cristo pela graça, mediante a fé, e em seguida, por boas obras.

Entenda que você será perseguido, como outros cristãos foram e ainda são.Não permita que os ataques dos outros enfraqueça a sua fé. Use a coragem das suas convicções para fazer o bem, não para julgar os outros.

Comungue com outros cristãos. É uma coisa maravilhosa que Deus quer que façamos, se reunir como cristãos na igreja ou em grupos de estudos bíblicos. Portanto, não pense que todos são hipócritas e que você é o único bom exemplo. Dê o crédito para todo o bem que você faz a Deus. Você verá que é uma bênção se abrir com as pessoas da sua igreja ou grupo de estudos bíblicos sobre a sua vida cristã, de forma aberta e sem imposição. Isso significa ser transparente: estar aberto para compartilhar suas opiniões ou quaisquer dúvidas e fraquezas.

Reforme a si mesmo. Isto é fundamental, não para a salvação, mas para que você se renove e melhore a sua busca pelo bem. Você deve “matar” o velho homem e “vestir” toda a armadura de Deus. O descuido de manter os velhos hábitos pode levá-lo a pecar contra si mesmo e contra os propósitos e planos de Deus. A Bíblia diz “pelo que, despojando-vos de toda sorte de imundícia e de todo vestígio do mal, recebei com mansidão a palavra em vós implantada, a qual é poderosa para salvar as vossas almas” (Tiago 1:21 ).

Lembre-se de que o centro da sua fé deve ser o amor, não a obrigação de cumprir com estas recomendações, mas de ser um imitador de Cristo. É mais fácil dizer do que fazer, mas você estará no caminho certo enquanto se esforçar para seguir os passos dele. Deus estará sempre presente para ajudá-lo a trilhar cada pequeno passo.

Ame a Deus e creria n’Ele com todo o seu coração, mente e alma! Ele te ama mais do que qualquer pessoa neste mundo seria capaz de amar. Isso é a coisa de maior valor!

  • Lembre-se de que ser cristão é uma longa jornada na busca de beneficiar os outros em Cristo. Não espere ser livre do pecado da noite para o dia e não julgue a si mesmo ou aos outros de forma muito dura. Mantenha a boa moral e os bons costumes que glorificam a Deus no seu dia-a-dia, mas não se vanglorie. Antes, glorifique a Deus.
  • Frequente uma igreja para que você aprenda mais sobre a vida cristã e o que isso significa para a prática de sua fé.
  • Se você não é um cristão, mas você quer se tornar um, aceite Jesus em seu coração. Em seguida, busque uma igreja e estude o evangelho. Siga-o de verdade, não existe cristianismo meio-termo. Ou você está com Jesus ou contra ele. Como Cristo disse, você não pode servir o mundo e a Deus ao mesmo tempo. Você não pode, simultaneamente, beber do cálice do Senhor e beber do cálice do mundo.
  • Lembre-se, no entanto, que a necessidade de ir à igreja não significa que você precisa da interseção de outra pessoa para ser perdoado. Deus conhece o seu coração e se você pedir perdão de verdade a Ele, você está perdoado. Deus está sempre presente ao seu lado!
  • Existe um defensor, um advogado que te representa diante de Deus, Jesus Cristo. “Há um só Deus. Há também um só mediador entre Deus e os seres humanos, Jesus Cristo homem”.
  • Confie nele de todo o seu coração e você verá o milagre acontecer.
  • Ame a Deus com todo o seu coração e a sua alma!
  • Ame ao próximo e lembre-se que ser cristão é mais do que seguir regras; é amar a Deus e ao próximo como a ti mesmo.
  • Nunca desanime. Sempre olhe para a frente e nunca para trás. Lembre-se que Deus te ama e vai te perdoar, não importa o quê. Então, se você errar, não pense que Deus deixará de amar você. Lembre-se de que o amor de Deus não tem fronteiras ou limites!
  • Louvado seja Deus e Deus te abençoe!

Avisos

  • O apóstolo Pedro lembra-nos a compartilhar a razão da nossa esperança, mas com “mansidão e respeito”. Não seja rude e violento na propagação da fé.
  • Nunca perca a fé em Deus, mas lembre-se de que haverá momentos em que isso acontece na vida, pois não somos perfeitos.
  • Lembre-se de que Deus ama a todos, e nós devemos amar também.
  • Saiba que você pode conhecer um cristão por seus frutos, mas não use essa afirmação para julgar os outros. Não tente julgar a salvação das pessoas. Existe apenas um juiz de todos, que é Deus. Ame os outros como a si mesmo.
  • Não subestime o poder da oração.
  • Quando você se sentir confuso sobre como viver corretamente, peça ajuda a Deus. “Se algum dentre vós tem falta de sabedoria, peça-a a Deus, que a todos dá liberalmente e não censura, e ser-lhe-á dado” (Tiago 1:5).
  • Você pode conseguir muito através da oração. Deus responde a todas as orações, mas ele vai dizer “Não” a todas as orações que sejam injustas ou prejudiciais. Ore para que a vontade divina seja feita, porque Ele quer o melhor para todos nós e Ele transforma o mal em bem em nossas vidas, por isso confie nele.
  • Na leitura da Bíblia existem algumas partes no Velho Testamento, como as genealogias, a história e o sistema jurídico de Israel, que parecem arcaicos ou desinteressantes. Mas os livros do Antigo Testamento, como Isaías, Ezequiel, Daniel, Samuel e muitos outros são especialmente interessantes por causa das profecias e histórias de milagres. Quanto aos livros do Novo Testamento, são todos muito legíveis e fáceis de ler.
  • Perdoe e esqueça. Embora você não possa mudar o passado, você pode mudar seu ponto de vista sobre o que passou. Ore e perdoe do fundo do seu coração. Deus nos perdoa independentemente dos nossos pecados. Seja um imitador de Deus!
  • Entenda que algumas doenças e problemas de saúde, como alguns tipos de câncer, diabetes, açúcar, embriaguez, abuso de drogas, obesidade extrema, sofrimento físico e emocional, dentre outros, estão frequentemente relacionados com escolhas pessoais que Jesus sabia que eram favoráveis ou não à saúde, a boa moral e ao caráter.
  • Não enterre seus talentos e partilhe os seus bens com outros sempre que possível. Doe àqueles que possuem menos que você e ajude os menos afortunados, em vez de julgá-los como pecadores preguiçosos ou dizer que a causa da pobreza é a má sorte. A pobreza não é um castigo de Deus. Lembre-se de que uma seca extrema ou tempestades e tornados podem causar fomes e miséria, e elas ocorrem sobre toda uma região, atingindo tanto justos e injustos.
  • Jesus disse “Tudo o que fizer para um dos meus pequeninos, a mim estarás fazendo”. Isso também significa que, uma vez que você é um dos filhos de Deus, todos que te ridicularizarem ou criticarem você por causa daquilo que você crê, estas pessoas estarão odiando e ofendendo também a Deus, não apenas a você.

Comente



  
  

  contato@mantenaterraboa.com.br

 

   Categorias
 
    -
Destaques                 - Página Policial
    - Cidade                        - Política         
    -
Educação                  - Geral
    - Esporte                       - Eventos
    -
Estado                        - Mundo Gospel
    - Eventos                      - Dicas de Saúde 
    - Mensagens                - Videos

 

   Redes sociais

        


 
É livre a reprodução das publicações contidas
neste site, ressalvando direitos e autorias
de terceiros

 
© 2016 - Desenvolvido por Webmundo Soluções Interativas